Buscar
  • Rey Araujo

ACERTE NO MARKETING MÉDICO E ATRAIA MAIS PACIENTES PARTICULARES

Olá!


Há algum tempo os profissionais de saúde estão buscando atender cada vez mais a pacientes particulares do que os oriundos de convênio. Essa tendência se deve basicamente a motivos como o baixo valor pago pelos planos de saúde por atendimento realizado; o tempo de demora para efetuar os pagamentos aos profissionais (alguns casos chegando a 60 dias); e, o tempo perdido com o preenchimento de relatórios e formulários para que não haja glosas e outros entraves burocráticos.



Além disso, há casos em que os planos simplesmente não efetuam o pagamento e o profissional de saúde, entre tantos afazeres e responsabilidades no dia a dia, nem se dá conta e acaba trabalhando de graça.


Outro fato relevante é que muitas vezes o profissional, no intuito de ter uma remuneração maior, necessita atender em jornadas intermináveis e cansativas que prejudicam bastante sua qualidade de vida.


Em contrapartida, existe um grupo de profissionais de saúde que "nada em mar azul" e consegue trabalhar um terço do tempo, faturando o dobro. Isso, por que sua agenda é direcionada principalmente ao atendimento médico particular.


É fato que esse tipo de atendimento (pacientes particulares), remunera melhor, mais rápido e com mais flexibilidade para que o médico, dentista, psicólogo, fisioterapeuta, etc. possam desfrutar de seus ganhos, tendo mais tempo para curtir o tempo livre com a família e amigos.


O Marketing Médico pode ajudar a alavancar o número de atendimentos particulares na área de saúde


Não é novidade que, nos dias de hoje, os pacientes estejam mais exigentes e informados. Com a quantidade cada vez maior de smartphones, tablets e computadores no mercado e o acesso à internet cada vez mais veloz, há muito tempo eles procuram primeiro o “Dr. Google” para saber acerca dos seus sintomas ou doenças.


Sendo assim, ter uma presença online (e offline também) planejada e qualificada é importantíssimo no processo de fortalecimento da imagem profissional e, como consequência, no aumento do número de atendimentos particulares.


Para isso, é importante que o profissional de saúde esteja atento a algumas ações:


1 - Trabalhe uma imagem cada vez mais profissional para o mercado online e offline - Crie uma identidade visual (logotipo, cartão de visitas, receituário, jaleco, etc.) adequada a seu segmento e invista na sua presença online (site responsivo com blog, redes sociais, agendamento eletrônico, whatsapp, etc.).


2 - Quem não estiver aparecendo pelo menos nas duas primeiras páginas do Google está fora do páreo - Por isso é importante criar um site adaptável a smartphones e tablets (responsivo) e utilizar técnicas de SEO para bom ranqueamento no Google.


3 – Qualifique sua presença nas mídias digitais - Esteja presente em redes sociais como Facebook, Instagram, Linked In e Whatsapp (não é rede social, mas pode alavancar ou destruir a imagem de um profissional) os pacientes fazem "boca a boca" da qualidade, forma de atendimento, eficiência, etc.


4 - Crie conteúdo para seu BLOG - Este conteúdo, além de aumentar sua autoridade no segmento, vai servir para ajudar no ranqueamento do seu site no Google. Conteúdo relevante é um dos principais quesitos avaliados pelo Google na hora de ranquear as páginas.

Estar atento a esse novo padrão de se trabalhar o Marketing, abre uma ótima oportunidade para que profissionais de saúde de diversas áreas consigam atrair mais pacientes particulares.


Além disso, haverá fidelização, o que criará uma relação mais próxima com seus pacientes, fruto da confiança no seu trabalho e na sua marca pessoal.


Veja os 4 passos principais para montar um planejamento de marketing simples e objetivo.


1 - Definir seus objetivos

Sim! Marketing tem que ter objetivo. =)

Veja os principais objetivos a serem definidos para o segmento de saúde:

· Alavancar o número de pacientes particulares;

· Se posicionar como autoridade em determinada área da saúde ou tipo de tratamento;

· Fidelizar os pacientes para atendimentos futuros;

· Alertar a sociedade sobre determinadas atividades ou perigos de alguma doença específica (de acordo com o Código de Ética).


Não importa quais sejam seus objetivos, as ações do planejamento deverão estar alinhados com eles.


Importante também definir metas a curto, médio e longo prazos. Pois assim, ficará mais fácil medir a eficácia das ações e o retorno do investimento.


2 - Escolher uma estratégia

Existem diversas estratégias de Marketing a serem seguidas, por isso, ainda que mais de uma pareçam boas, escolha poucas e dedique-se a elas.


Um ponto importante é entender que cada estratégia de Marketing tem seu tempo de maturação, seja ela de Marketing Digital ou Tradicional. Por isso, escolha as que mais se adequam ao seu perfil e monitore o andamento em relação aos objetivos e metas.


Um bom profissional de Marketing vai criar um cronograma de ações e controle adequado às estratégias definidas. Se os resultados estiverem sendo alcançados dentro do tempo previsto, ok. Se não, faça uma reunião de avaliação e veja o que deve ser feito para que o cronograma seja cumprido.


3 - Contratar bons profissionais

Em qualquer área profissional, é importante nos cercarmos de bons profissionais. Trabalhar com um bom profissional de planejamento e execução da estratégia de Marketing fará toda diferença no alcance dos objetivos. Principalmente, se tratando de alcançar e reter pacientes particulares.


Colocar em prática uma estratégia de Marketing demanda disciplina e tempo. Por isso, ter uma boa equipe de suporte vai garantir que as ações sejam implementadas com a frequência necessária e você continue se dedicando, exclusivamente, ao atendimento dos pacientes.


Escolha bons parceiros para montar e implementar o plano de Marketing do seu consultório ou clínica.


4 - Monitorar os resultados

Eis uma questão crucial quando se trabalha com planejamento, seja de Marketing, financeiro, de produção, etc.


“Não se gerencia o que não se mede” William Edwards Deming


O controle dos resultados é importantíssimo para avaliar a eficácia da estratégia e, se necessário, alterar alguma ação tática, uma vez que mudanças podem ser necessárias para que os objetivos sejam alcançados.


E quando o assunto é controle, o Marketing Digital é imbatível. Praticamente todas as mídias digitais fornecem ferramentas de análise das ações, sejam anúncios, visitas no site, tempo de permanência no blog, etc.

E então, pronto para iniciar uma jornada no mundo do Marketing Médico e alavancar seu número de atendimentos particulares?


Existe um universo de opões para alcançar resultados espetaculares nesse mercado.


Se precisar de ajuda, conta com a gente. Teremos imenso prazer em contribuir para a alavancagem do número de atendimentos particulares.


E se quiser agendar um bate-papo me envie uma mensagem via e-mail, skype ou whatsapp.


Será um prazer atender você.


Avante!


Rey Araujo, MBA

Especialista em Marketing

22.99731.2345 / 21.99603.4677

Skype: rey.araujo1

lgr@lgrmarketing.com.br

www.lgrmarketing.com.br


Sobre o Autor

Rey Araujo é formado em Propaganda e Marketing pela Univ. Gama Filho - RJ, MBA em Marketing Estratégico pelo ESPM - RJ e Pós-Graduado em Gestão de Vendas e Negociação pela Univ. Cândido Mendes- RJ.

Possui curso de Gestão de Marketing Digital pela Academia do Marketing - RJ e Marketing Eleitoral pela ESPM - SP, entre outros voltados para o Marketing Digital.

Iniciou sua carreira em 2003 como Redator Publicitário no Rio de Janeiro.

Há mais de 10 anos atua na gestão de Marketing em empresas de diversos segmentos como Metalurgia, Tabaco, Tecnologia da Informação, Petróleo, Biotecnologia, Previdência, etc.

Atualmente é consultor de Marketing na LGR Marketing e palestrante.

22 visualizações

2018 - Todos os direitos reservados - Campos dos Goytacazes - RJ